Ricardo Luis Slongo - Gerente Regional de Vendas

Voltar cases

“Coaching não é autoajuda motivacional e sim uma imersão profunda para dentro do seu eu. Quem sou eu? Para onde vou? Sou feliz e realizado na minha vida pessoal e profissional? Como vou fazer para chegar lá?! Minha visão sobre vida pessoal, antes da realização de encontros com minha coach, era baseada em tentativa e erro incluindo vida profissional nestas escolhas. O que me levava a acreditar em sorte e azar. Quando tomei a decisão de fazer coaching, sabia que teria que me conhecer melhor, e a partir deste momento comecei a encontrar respostas sobre os acontecimentos na minha vida pessoal e profissional que somente eu poderia encontrar. Ao iniciarmos o trabalho de coaching, com encontros semanais, logo percebi que a mudança seria mais profunda com a quebra de paradigmas e atitudes jamais tomadas antes. O coaching nos dá uma visão ampla de como nos planejamos para atingir nossos objetivos, diminuindo drasticamente a possibilidade de insucesso. Pensar antes de agir, pesar nos riscos, analisar os prós e contras, faz com que fiquemos mais fortes e estratégicos. Hoje tenho plena convicção de que não existe sorte e azar e sim muito trabalho, planejamento, foco, determinação e perseverança para atingir nossos objetivos.”

 

RICARDO LUIS SLONGO - GERENTE REGIONAL DE VENDAS